Lucro dos bancos foi R$ 65 bilhões acima do anunciado!

Auditoria Cidadã da Dívida

 

Bancos dobraram o volume de “provisões” que deduzem o lucro apurado e também reduzem os tributos pagos pelo setor. (LEIA)

Anunciaram um lucro superior a R$40 bilhões no primeiro semestre de 2020, mas esse lucro na verdade foi muito maior, pois está diminuído das exageradas provisões que fizeram.

Esse resultado não é obra do acaso ou sinal de “eficiência” do setor em plena pandemia, quando milhões de empresas quebraram e milhões de pessoas perderam seus empregos.

Esse lucro é o resultado dos privilégios concedidos ao setor, que recebeu pacote de liquidez de R$1,2 trilhão dia 23/3/2020 e não emprestou o dinheiro, passando a lucrar ainda mais com a remuneração da sobra de caixa, feita diariamente e com toda generosidade pelo Banco Central aos bancos. LEIA

Não satisfeitos com tantas benesses, estas são as principais instituições que pressionam por reformas e ajustes fiscais!

O ajuste fiscal visa garantir ainda mais recursos públicos para os serviços da dívida, que tem sido usada e abusada para repassar dinheiro público aos bancos diariamente.

A destruição do Estado por meio da PEC 32 abre ainda mais espaço para atuação do setor privado e negócios fraudulentos, como tem sido provado no Rio de Janeiro com as privatizações na área da saúde e instalação das OS conhecidas como OS das rachadinhas.
Por isso o atual governo defende privatizações e ajuste fiscal, mostrando seu claro comprometimento com o mercado financeiro e os bancos, em detrimento dos direitos sociais previstos na Constituição.
#ÉHORAdeVIRARoJOGO

 

fonte: https://auditoriacidada.org.br/lucro-dos-bancos-foi-r65-bilhoes-acima-do-anunciado/

O Instituto Sapiens Brasil está em processo de criação,
este portal é experimental com finalidade de teste entre os membros e membras
do grupo de voluntários que está criando o projeto e tem caráter privado restrito ao grupo de testagem
CopyLeft Sapiens Brasil